Notícias

Coordenador do BE/M espera que o Orçamento da Região, depois da sua discussão e consequente aprovação, seja “tão bom para a Madeira como é o Orçamento do Estado”.

“Esta ajuda financeira deve prever mecanismos de fiscalização, para garantir que os meios são aplicados onde fazem falta, onde se justifica”, defendeu. “Exigimos solidariedade, mas também responsabilidade.”

"As associações regionais e a própria Segurança Social não têm “mãos a medir” no que respeita ao apoio de que necessitam inúmeras pessoas, na sua maioria mulheres e crianças, vítimas de violência doméstica".

“Perante o melhor OE para a Madeira de que temos memória, o único que garante o compromisso de financiar metade do hospital, o que farão os deputados do PSD-M?" - Declaração Política de Roberto Almada

O Coordenador Regional do BE confrontou Miguel Albuquerque com o facto de existirem inúmeras empresas registadas no Centro que não têm um único trabalhador, recordando que em média, existe menos de dois trabalhadores por empresa.

Mariana Mortágua esteve, esta tarde, no Funchal, para um debate organizado pelo Bloco de Esquerda Madeira sobre o Orçamento de Estado para 2017.

As negociações intensas entre o BE e o Governo da República, que decorreram desde a apresentação do Orçamento do Estado na Assembleia da República, permitiram um acordo alcançado no dia de ontem em variadas reuniões que tiveram a intervenção direta de Catarina Martins e António Costa e outros governantes.

O Grupo Parlamentar do BE na Assembleia Legislativa da Madeira entregou no Parlamento uma Resolução que implementa, nas transmissões on-line dos Plenários e demais atividades da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, a tradução simultânea em Língua Gestual Portuguesa.

O afundamento por parte da Marinha de uma corveta para criar um recife artificial, levanta sérias dúvidas que as atividades que dai decorram, não a tornem numa zona de turismo massificado, colocando em causa a salvaguarda geológica desta área e as espécies ai existentes.

O PSD corrige o que está certo, para o adequar ao que está errado.

José Gusmão entrevista o economista Ricardo Cabral sobre a política de provisões do Banco de Portugal, que este ano impediu o Estado de receber centenas de milhões de euros em impostos e dividendos.

“Esperamos que este Orçamento seja no fundo um bálsamo na dor que sentem muitos madeirenses."

O Governo Regional goza de Autonomia política e administrativa no setor da Educação, que todos os contribuintes pagam impostos, tenham ou não filhos a estudar, tenham ou não filhos com ação social escolar, todos os alunos devem ter os mesmos direitos de apoio.

Lamenta ter sabido pelo DIÁRIO “o redondo não” à proposta de coligação

O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda recomendou ao Governo Regional que inscreva uma verba no Orçamento Regional para 2017, destinada à conclusão das obras do Centro de Apoio à Deficiência Motora que “desde 2006 não atam nem desatam”.

Deputado Paulino Ascenção esteve reunido com Mário Centeno

Auscultação ao partido realizada ontem, onde deixaram o que entendem devem ser as prioridades

A comemoração aconteceu na sala da Assembleia Municipal e foi protagonizada por Guida Vieira, conselheira Municipal para a Igualdade, e pela vereadora Madalena Nunes.

Páginas