Home
Clique na imagem:
blocotv.jpg
Estatutos Regionais do Bloco de Esquerda/Madeira
Home
Notícias
BE no Parlamento Regional
Iniciativas Legislativas
Bloco nas Autarquias
Opinião
Concelhos
Documentos
Arquivo
Juventude

adere.jpg

Newsletter






logo_alram
cmflogo

BE pede aos madeirenses que não se deixem enganar pelos 'herdeiros de Jardim'!
 
Candidato do BE Madeira nas Europeias defende reestruturação da dívida!
 
Evocação da Revolta da Madeira: "A Região está novamente de cócoras perante o Terreiro do Paço"
revoltamadeira1931.jpg.jpg
Assinalou-se nesta sexta-feira o 83.º aniversário da Revolta da Madeira que aconteceu a 4 de Abril de 1931. Numa conferência de imprensa realizada nesta sexta-feira, para evocar esta efeméride, o Coordenador Regional do BE Madeira afirmou que, tal como em 1931, e "ressalvando a devidas diferenças, a Madeira precisa de um novo sobressalto”! O Bloco considera que, tal como em 1931, “os madeirenses estão a ser manipulados e explorados por um regime que não quer nada com a democracia”, e rouba o futuro aos povos destas Ilhas. “Os madeirenses podem voltar a revoltar-se contra aqueles que nos roubam o pão da mesa, o tecto que nos abriga, a saúde que nos protege e a escola que nos faz homens livres”, apontou o coordenador regional do BE. Clique aqui para ouvir na íntegra o som da conferência de imprensa do BE Madeira, evocando a Revolta da Madeira. (Foto: Comício, no Funchal, de apoio à Revolta da Madeira. Foto retirada daqui)
 
Opinião: 40 anos de direitos que nos querem roubar!
guida.jpg
Guida Vieira
Deputada do BE na Assembleia Municipal do Funchal
Estamos quase a comemorar 40 anos do 25 de Abril, que para mim será sempre a revolução da liberdade e da luta por uma vida melhor e mais digna. Nada voltou a ser como dantes depois desse dia cheio de luz e de alegria que animou os nossos corações. Saímos para as ruas. Conquistámos os nossos sindicatos. Revindicámos, e conseguimos, melhores contratos coletivos de trabalho. Ficámos a saber o que era ter um salário mínimo garantido, férias e subsídio de Natal, um horário de trabalho e horas extras pagas. Conquistámos direitos específicos para as mulheres. Integrámos as pessoas com deficiência no mercado do trabalho. Regulamentámos os direitos dos(as) trabalhadores(as) estudantes e muito, muito mais. Fomos solidários(as) com todos(as) os(as) trabalhadores(as) que lutaram contra os despedimentos e fizemos lutas de solidariedade com o lema “um por todos e todos por um”. Não havia luta, onde quer que fosse no País, a que as Moções de solidariedade não chegassem. Lutámos para que as pessoas que trabalhavam, mas que nunca tinha tido direitos, passassem a ter. É aí que surge legislação, sobretudo na segurança social, que integrou trabalhadores agrícolas, bordadeiras de casa, empregadas domésticas e outros… Foi um orgulho ver gente receber pela primeira vez a reforma ou o subsídio de maternidade, ou mesmo o subsídio da baixa por doença. Foi o tempo de valorizar as pessoas que tinham sido sempre esquecidas pelo regime ditatorial e fascista que reinou durante 48 anos. Foi o tempo dos direitos e não de esmolas. Foi o tempo do orgulho de ser português de corpo inteiro.

Ler mais...
 
BE desafia candidatas madeirenses do PSD/CDS e PS a "romper com o Tratado Orçamental"
befunky_062.jpg.jpg
O candidato da Madeira na lista do BE ao Parlamento Europeu, Rodrigo Trancoso, desafiou hoje as candidatas madeirenses do PSD/CDS e PS "a romperem com o Tratado Orçamental assinado pelos seus partidos". Rodrigo Trancoso, que é também dirigente regional do Bloco, falava hoje na qualidade de porta-voz da Comissão Coordenadora Regional do BE Madeira que hoje se reuniu no Funchal. Este responsável defendeu que só rejeitando o Tratado Orçamental, que impõe austeridade perpétua, "é que os eurodeputados podem defender as regiões ultraperiféricas, como é o caso da Madeira". "Os eurodeputados e eurodeputadas eleitos/as pelo Bloco defenderão o país e a Madeira da austeridade", defendendo que o voto útil é naqueles que rejeitando a austeridade defendem os cidadãos das várias regiões do país. Clique aqui para ouvir, na íntegra, a declaração.
 
Opinião: Saída limpa!
mconceicaopereira.jpg.jpg
Maria Conceição Pereira
Professora Aposentada e ex-Deputada
Grande título no DN Madeira: BANCA METE QUASE 8 MIL EM TRIBUNAL. As pessoas que ficaram sem rendimentos devido à austeridade que a FINANÇA e os GOVERNOS criaram são caloteiros e são executas em Tribunal, sem dó nem piedade. Perdem casas, algumas já quase pagas, perdem carros, perdem vida, muitas vezes perdem filhos e até a restante família e a sua terra, pois emigram ou deixam de viver, pura e simplesmente. Quantas pessoas já puseram termo à vida, quantas morreram por falta de assistência, de medicamentos e até por falta de vontade de viver. Em Setúbal, várias famílias que já viviam em situação precária numa antiga fábrica, com dezenas de crianças, ficaram sem água nem luz.

Ler mais...
 
BE/Madeira no facebook
 Portal Esquerda.Net
 Portal do Bloco de Esquerda
 Portal do Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda
 BE no Parlamento Europeu
 Portal Blocomotiva
ecoblogue3.jpg
Online
© 2014 Site Regional da Madeira - Bloco de Esquerda
Joomla! is Free Software released under the GNU/GPL License.